19 de out de 2012

113 dias de Silêncio no Assuntagem.

Prezados Leitores.


113 dias em Silêncio, sem nada postar.

O Blog Assuntagem vai ser desativado?

O Blogueiro tá sem assunto?

Morreu?

O que está acontecendo?


Vamos as respostas.

Como muitos sabem, tenho Blog pra mim, não como compromisso diário, até porque uma tendinite que consegui no pulso não me permite mais isso.
Tenho o Blog como um caderno onde eu possa desabafar, escrever, sem compromisso, sem medo de errar, apenas escrever.

Me sinto todo ancho quando alguém me para na rua e diz: "Olha eu leio o seu Blog."
Isso pra mim é de uma alegria ímpar.

Ultimamente tenho feito uma viagem pra dentro de mim, como diz Milton Nascimento: "Eu, caçador de mim."

É de suma importância procurar por nós, e ver onde ficamos ou pra onde fomos, nem sempre somos nós mesmos.
Parece conversa de Doido mas a intenção é essa mesmo.

Estou passando por uma Metamorfose e procurando fazer uma faxina separando o que é reciclável e o que é descartável.

É duro, sofrido, noites sem dormir, falta de apetite, cabeça em outra órbita, arrependimentos, mágoas, desejos de vinganças mas tudo isso passa, nos agarramos no Evangelho (que no meu caso sigo o Espiritísmo) e com algumas frases de Chico Xavier conseguimos salvar o Barco, e o resultado vale a pena.

O que aprendi e aprendo no Escritório também não fica pra trás, as reuniões noturnas com pautas livres com pareceres mundanos de Ednaldo Epifânio, Josefa e Cristina Brito, tem sido de suma importância para minha Metamorfose.

Os Evangelhos no Lar também é um combustível sem fim e de uma força surpreendente.

O sofrimento é grande, falta ar, vontade de fugir, de correr, de sumir no mundo, de voltar no tempo, mas como diz a filosofia mundana:
 "A Vida é um ônibus de Catraca livre, onde tudo é Passageiro, só não o Motorista e o Cobrador."

Tá sendo de grande valia todo esse momento e quem mais tá lucrando sou Eu.

Estou de volta ao Blog, quando a Caça a mim acaba? Não sei quando termina, se nessa encarnação ou na outra.

O que vale é aprender, ensinar, perdoar e amar, e muita mas muita caridade, principalmente a caridade moral.

Segundo Allan Kardec: " Fora da Caridade não há Salvação."



Muita Paz a todos e uma semana iluminada.

Namastê.