18 de out de 2012

Cada qual para o que nasce...

No DVD "Zé Ramalho canta Raul Seixas", em determinado momento ao confidenciar que quando estava criando o projeto do DVD, muita gente tentou atrapalhar, houve muitos impasses, como resposta ele nos presenteou com o que chama de Sagrada Escritura dos Violeiros:



"A defesa é natural;
Cada qual para o que nasce;
Cada qual com a sua classe;
Seus estilos de agradar.

Um nasce para trabalhar;
Outro nasce para briga;
Outro vive de intriga;
E outro de negociar.

Outro vive de enganar;
O mundo só presta assim;
É um bom, outro ruim;
E eu não tenho jeito para dar.

Para acabar de completar;
Quem tem o mel, dá o mel;
Quem tem o fel, dá o fel;
Quem nada tem, nada dá."


Pensem nisso...